icono carrito blancoComprar

23 de Maio de 2023

Conheça os perigos de adquirir um dispositivo V16 não homologado

Se já está convencido da importância de ter sempre à mão um sinal luminoso V16 no seu veículo, é vital que se certifique de que este está devidamente homologado para garantir a sua segurança e a dos outros condutores numa situação real de utilização. A homologação assegura que o produto foi fabricado de acordo com critérios de segurança rigorosos estabelecidos nos regulamentos. O Help Flash foi concebido em Espanha e é produzido em Saragoça, respeitando integralmente todas as normas europeias. Conheça as diferenças entre um dispositivo que respeita integralmente as normas de homologação e outro feito apenas respeitando critérios de índole comercial.

Os regulamentos especificam que um equipamento V16 homologado como o Help Flash deve emitir um feixe de luz amarela (ou alaranjada) automática numa circunferência perfeita, com uma potência, intensidade e dentro de certos parâmetros de frequência que garantam a correta sinalização. Estes fatores determinam a visualização do obstáculo e a identificação da classe de luz. Lembre-se, os equipamentos não homologados não garantem a potência, a irradiação, a cor e a frequência corretas, pelo que a sua visibilidade ficará seriamente comprometida em caso de avaria ou acidente na estrada.

A estabilidade da fixação é crucial

A homologação de um sinal V16 garante que este foi testado para ser estável numa superfície plana e para suportar uma resistência mínima de tensão de cerca de 180 pascal. Este facto, que parece banal, é regulado para que o equipamento não caia no chão com a passagem de outros veículos, por exemplo, especialmente os mais pesados. O Help Flash© possui duas bases magnéticas de alta qualidade, capazes de ultrapassar esta resistência, bem como uma borracha adicional que imobiliza o equipamento em todas as condições.

Resistência às condições climatéricas adversas: proteção IP54

Portugal é um país com um clima variado, pelo que os sinais V16 devem ser fabricados de acordo com os mesmos critérios de estanquidade que os equipamentos de iluminação profissional (polícia, ambulâncias e bombeiros, por exemplo), devendo respeitar um grau de proteção IP54 contra a entrada de partículas sólidas e de água.

Muitas emergências durante a condução estão associadas a condições climatéricas adversas. Neste cenário, é fundamental garantir a segurança através de um equipamento homologado cujo funcionamento não seja afetado pela chuva, nevoeiro ou até neve. Esta condição é também importante durante o armazenamento do dispositivo no nosso veículo. Um sinalizador V16 que respeita as normas, deverá ter uma superior resistência à ação combinada da humidade e de temperaturas extremas para evitar danos internos no dispositivo, garantindo que este se encontra sempre em perfeitas condições de utilização em caso de emergência.

Além disso, o critério de aprovação estipula que o equipamento deve ser funcional entre os -10 e os +50 graus Celsius durante a sua vida útil. A qualidade dos componentes internos testados através dos ensaios exigidos para a homologação garante a resistência a temperaturas extremas. Esta qualidade pode não ser um critério de fabrico noutros dispositivos não homologados, concebidos apenas para fins comerciais. Para assegurar a extrema resistência aos impactos, o Help Flash também cumpre os exigentes requisitos das normas IK04, suportando o impacto direto de um objeto de até 0,2 kg com uma energia de 0,500 joules.

Equipamentos autónomos são vitais em caso de avaria elétrica do veículo

Cerca de 50% das avarias dos veículos estão diretamente relacionadas com os sistemas de alimentação elétrica do veículo, que são afetados ou até mesmo desativados. Por conseguinte, é imperativo que as unidades de iluminação V-16 funcionem exclusivamente em modo autónomo. Esta é outra das especificações que regem a homologação de um dispositivo, pois se a baliza fosse alimentada diretamente pela bateria do veículo e esta falhasse, não poderíamos utilizar o nosso sinal luminoso para sinalizar uma emergência.

O Help Flash© é alimentado por pilhas alcalinas não recarregáveis, o que garante a sua disponibilidade imediata no máximo rendimento luminoso (2h30m de autonomia) e a sua durabilidade, mesmo após anos de inatividade (até 36 meses).

Tempo de autonomia do Help Flash: 2h30m

De acordo com a regulamentação, este tipo de equipamento deve proporcionar uma autonomia mínima de 30 minutos à potência máxima.  Este tempo é vital para proteger o utilizador da forma mais eficaz possível até à chegada dos serviços de emergência ou de assistência rodoviária.

Os equipamentos não homologados não dispõem de um critério de autonomia, o que constitui um risco muito elevado em caso de paragem inesperada, especialmente à noite ou em condições adversas.

A fiabilidade, uma questão de segurança

A função deste tipo de dispositivos como elementos de sinalização em situações de emergência torna ainda mais importante a minimização de possíveis falhas no seu funcionamento. Os rigorosos testes a que são submetidos os equipamentos homologados são a melhor garantia de qualidade, pois asseguram o correto funcionamento de todos os seus componentes internos e externos. Por outro lado, a possibilidade de falha em equipamentos não homologados, que não passaram por qualquer tipo de inspeção, é exponencial.

 

Que outros atributos são garantidos pelo Help Flash©?

Para além de cumprir todas as especificações regulamentadas pelas normas, o Help Flash© foi concebido para proporcionar a máxima segurança e qualidade ao utilizador.

O seu sistema patenteado de ativação magnética, por simples contacto com uma superfície metálica, simplifica a sua utilização nos momentos de tensão associados às paragens de emergência súbitas na estrada.

O Help Flash© é fabricado com materiais de alta qualidade e todos os seus componentes foram concebidos para oferecer a maior segurança possível ao utilizador. Cada equipamento individual recebe um número de identificação, que só é colocado depois de este ter passado por todos os processos internos de qualidade e imediatamente antes da embalagem final. Esta simples etiqueta representa o nosso compromisso permanente e é a prova da nossa garantia de qualidade. Da mesma forma, e conforme exigido pelos regulamentos, o dispositivo tem gravado o seu código de homologação, que também pode ser consultado na sua embalagem original e, mais amplamente, no nosso site.

 

Voltar à listagem de notícias

Notícias relacionadas

23 de Janeiro de 2024

Velocidade, além dos limites…

O excesso de velocidade é um problema frequente, refletido tanto no número de infrações quanto nos acidentes. Em Portugal, as velocidades máximas permitidas variam nas diferentes vias e as penalidades por não as cumprir são determinadas pelo grau do excesso. Convém ainda destacar que excesso de velocidade e velocidade excessiva para as condições não são ...

Ler notícia

22 de Dezembro de 2023

Conselhos de segurança Help Flash para esta época natalícia

Natal é sinónimo de momentos de partilha, harmonia, animação e alegria, mas também pode ser uma época desafiante. Quer seja pelas prendas de última hora ou pelas viagens para visitar a família, o número de automóveis na estrada aumenta, o que exige um acréscimo dos cuidados ao volante para garantir a segurança rodoviária.  Siga os ...

Ler notícia

23 de Outubro de 2023

Saiba como carregar um elétrico de forma cómoda e acessível com a ajuda da Help Flash

Com o advento e crescente democratização dos veículos elétricos, sejam eles automóveis, motociclos ou camiões, começaram a surgir questões sobre a segurança dos carregamentos e, acima de tudo, sobre a facilidade do processo e a disponibilidade da rede de carregamento. Neste artigo, a Help Flash irá, de uma forma sucinta, desmitificar alguns mitos e explicar ...

Ler notícia