Comprar

18 de Junho de 2021

Técnicas ‘mindfulness’ para uma correta condução

A atenção plena na altura de ficar frente ao volante pode salvar-nos a vida

Conduzir pela cidade é, sem dúvida, um verdadeiro desafio. A contaminação visual que inunda a nossa perspetiva com publicidade ou outros fatores externos, adicionando a conduta, em alguns casos inapropriada, dos restantes utilizadores da via, podem gerar distração ao volante.

Inclusive o estado anímico no qual nos encontramos converte-se num fator determinante para a condução. A ansiedade ou o stresse podem gerar uma sensação de condução automática na qual não somos conscientes da velocidade com que conduzimos ou do percurso que fazemos. Uma situação realmente perigosa, já que perante qualquer imprevisto na estrada não dispomos da capacidade de reação que necessitamos.

As distrações continuam a ser uma das primeiras causas dos acidentes de trânsito. Não somos conscientes da importância de prestar atenção até que não sentimos a imensa responsabilidade das nossas manobras.

‘Mindfulness’ ou como praticar a atenção plena ao volante

Por isso, é tão importante a prática do ‘mindfulness’, a focalização da atenção no momento presente. Esta técnica proporciona maior claridade mental, melhor capacidade de concentração, assim como de resiliência emocional. Ter uma atenção plena enquanto conduzimos não só nos pode salvar a vida, como também colabora para um trânsito mais ordenado e respeitoso. Assim como permite uma redução de incidentes na estrada.

Técnicas ‘mindfulness’ para uma correta condução

Praticar estas técnicas é simples e as suas consequências são muito positivas, pois ajudam a ter uma maior atenção ao volante:

  • Reconheça a intenção: antes de entrar no veículo observe como se encontra, o seu nível de cansaço e tomada de consciência do percurso que vai fazer.
  • Respire: sente e dedique um momento para fazer algumas respirações profundas e conscientes.
  • Tome consciência do seu corpo: quando puser o cinto, tenha consciência da sua postura, as mãos no volante e o seu pé no pedal.
  • Ter o controlo: uma vez iniciado o percurso, tenha consciência dos seus pensamentos e foque a sua atenção na estrada.
  • Utilize cada sinal de paragem para praticar a atenção plena do seu corpo: cada vez que tenha que parar, conecte-se conscientemente com a sua respiração.
  • Volte ao presente: quando se der conta de que surge alguma tentação de olhar para o telemóvel ou de desviar a sua atenção para alguma outra distração, retroceda e volte ao presente.
  • Não tenha pressa de chegar ao seu destino: ao chegar ao seu destino, antes de sair do carro, espere um momento e tenha consciência do silêncio presente após ter desligado o motor.

Faça uma reflexão sobre se desfrutou da viagem ou se foi estressante e o que faria diferente da próxima vez. Desta forma chegará mais relaxado ao seu destino.

Voltar à listagem de notícias